Escute e baixe o cd Hainda ha Esperanca da Missionária Maria de Lurdes

Amigos

Bíblicos ou Homofóbicos?


A Universidade Presbiteriana Mackenzie vem recebendo ataques e críticas por um texto alegadamente "homofóbico" veiculado em seu site desde 2007. Nós, de várias denominações cristãs, vimos prestar solidariedade à instituição. Nós nos levantamos contra o uso indiscriminado do termo "homofobia", que pretende aplicar-se tanto a assassinos, agressores e discriminadores de homossexuais quanto a líderes religiosos cristãos que, à luz da Escritura Sagrada, consideram a homossexualidade um pecado. Ora, nossa liberdade de consciência e de expressão não nos pode ser negada, nem confundida com violência. Consideramos que mencionar pecados para chamar os homens a um arrependimento voluntário é parte integrante do anúncio do Evangelho de Jesus Cristo. Nenhum discurso de ódio pode se calcar na pregação do amor e da graça de Deus.

Como cristãos, temos o mandato bíblico de oferecer o Evangelho da salvação a todas as pessoas. Jesus Cristo morreu para salvar e reconciliar o ser humano com Deus. Cremos, de acordo com as Escrituras, que "todos pecaram e carecem da glória de Deus" (Romanos 3.23). Somos pecadores, todos nós. Não existe uma divisão entre "pecadores" e "não-pecadores". A Bíblia apresenta longas listas de pecado e informa que sem o perdão de Deus o homem está perdido e condenado. Sabemos que são pecado: "prostituição, impureza, lascívia, idolatria, feitiçaria, inimizades, contendas, rivalidades, iras, pelejas, dissensões, heresias, invejas, homicídios, bebedices, glutonarias" (Gálatas 5.19). Em sua interpretação tradicional e histórica, as Escrituras judaico-cristãs tratam da conduta homossexual como um pecado, como demonstram os textos de Levítico 18.22, 1Coríntios 6.9-10, Romanos 1.18-32, entre outros. Se queremos o arrependimento e a conversão do perdido, precisamos nomear também esse pecado. Não desejamos mudança de comportamento por força de lei, mas sim, a conversão do coração. E a conversão do coração não passa por pressão externa, mas pela ação graciosa e persuasiva do Espírito Santo de Deus, que, como ensinou o Senhor Jesus Cristo, convence "do pecado, da justiça e do juízo" (João 16.8).


Queremos assim nos certificar de que a eventual aprovação de leis chamadas anti-homofobia não nos impedirá de estender esse convite livremente a todos, um convite que também pode ser recusado. Não somos a favor de nenhum tipo de lei que proíba a conduta homossexual; da mesma forma, somos contrários a qualquer lei que atente contra um princípio caro à sociedade brasileira: a liberdade de consciência. A Constituição Federal (artigo 5º) assegura que "todos são iguais perante a lei", "estipula ser inviolável a liberdade de consciência e de crença" e "estipula que ninguém será privado de direitos por motivo de crença religiosa ou de convicção filosófica ou política". Também nos opomos a qualquer força exterior – intimidação, ameaças, agressões verbais e físicas – que vise à mudança de mentalidades. Não aceitamos que a criminalização da opinião seja um instrumento válido para transformações sociais, pois, além de inconstitucional, fomenta uma indesejável onda de autoritarismo, ferindo as bases da democracia. Assim como não buscamos reprimir a conduta homossexual por esses meios coercivos, não queremos que os mesmos meios sejam utilizados para que deixemos de pregar o que cremos. Queremos manter nossa liberdade de anunciar o arrependimento e o perdão de Deus publicamente. Queremos sustentar nosso direito de abrir instituições de ensino confessionais, que reflitam a cosmovisão cristã. Queremos garantir que a comunidade religiosa possa exprimir-se sobre todos os assuntos importantes para a sociedade.


Manifestamos, portanto, nosso total apoio ao pronunciamento da Igreja Presbiteriana do Brasil publicado no ano de 2007 e reproduzido parcialmente, também em 2007, no site da Universidade Presbiteriana Mackenzie, por seu chanceler, Reverendo Dr. Augustus Nicodemus Gomes Lopes. Se ativistas homossexuais pretendem criminalizar a postura da Universidade Presbiteriana Mackenzie, devem se preparar para confrontar igualmente a Igreja Presbiteriana do Brasil, as igrejas evangélicas de todo o país, a Igreja Católica Apostólica Romana, a Congregação Judaica do Brasil e, em última instância, censurar as próprias Escrituras judaico-cristãs. Indivíduos, grupos religiosos e instituições têm o direito garantido por lei de expressar sua confessionalidade e sua consciência sujeitas à Palavra de Deus. Postamo-nos firmemente para que essa liberdade não nos seja tirada.


Portal da Igreja Presbiteriana do Brasil



http://www.ipb.org.br/



A REPRODUÇÃO DESTE TEXTO É LIVRE E PERMITIDA PELOS AUTORES, DESDE QUE EM SUA INTEGRALIDADE E CITADAS AS FONTES.

O perigo da interpretação errada da Bíblia!

Reportagem exibida no fantástico que mostra um equivoco terrível e vergonhoso, assista o video.


Talvez se ele tivesse lido apenas o 1º capitulo de Tito sua mente seria diferente, leia comigo o versículo 6 do livro e capitulo referido.

Tito 1;6 Aquele que for irrepreensível, marido de uma mulher, que tenha filhos fiéis, que não possam ser acusados de dissolução nem são desobedientes.
Share/Bookmark

Missionário RR Soares, serie Os maiores pregadores do Brasil


No primeiro dia de novembro de 1977, iniciou-se, pela rede Tupi de Televisão o maior ministério de evangelismo pela televisão brasileira. Nesse dia, cumpriu-se um desejo que há muitos anos, mais precisamente em 1958, surgiu no coração do garoto Romildo, então com 11 anos.
Romildo Ribeiro Soares foi criado na pequena cidade de MUNIZ FREIRE, no Espírito Santo. Um dia, ele teve a oportunidade de conhecer uma cidade vizinha, Cachoeiro do Itapemirim e, na praça Jerônimo Monteiro, viu pela primeira vez em sua vida um aparelho de televisão, exposto numa loja.
Romildo notou que todos os que estavam ali ficaram fascinados com o que acontecia na tela e, naquele momento, dentro do seu coração, pronunciou um voto ao Senhor: “Não tem ninguém falando do Senhor nesse aparelho. Ah, Senhor, se o Senhor me der condições, um dia eu estarei aí, falando só do Senhor”.
Em abril de 1964, o jovem Romildo Ribeiro Soares chegou ao Rio de Janeiro e, em 1968, começou verdadeiramente o início da vida espiritual de R. R. Soares.
Após ler o livro de T. L. Osborn, intitulado “Curai os enfermos, expulsai os demônios”, ele sentiu o impulso para o ministério, e desistiu do que antes fora o seu sonho, que era estudar Medicina, pois lhe tinha sido prometida uma bolsa de estudos no curso de Medicina na Universidade Patrici Lovouba, em Moscou, na Rússia.

Crescimento em 24 anos

Em 1980, finalmente começa o ministério da Igreja Internacional da Graça de Deus.
Na Rua Lauro Neiva, no Município de Duque de Caxias, Rio de Janeiro, foi inaugurada a primeira Igreja Internacional da Graça de Deus. Naquele local, o Missionário R. R. Soares começou um trabalho, que geraria uma transformação não apenas na vida da população carioca, mas em todo o Brasil.
O início foi muito difícil. Após muitas privações e humilhações, Romildo foi preso por simplesmente anunciar o Evangelho. Mesmo assim, o mensageiro de Deus continuou firme no propósito de anunciar o Evangelho a todos.


Determinação


Em 02 de dezembro de 1984, após ler o livro de Kenneth Hagin, O Nome de Jesus, a Igreja da Graça começou a pôr em prática a Determinação, e a partir daí, foram bênçãos atrás de bênçãos. Mas não era o suficiente, pois o sonho era levar Jesus para o horário nobre.
Mas e os custos altíssimos? Isso não o fez desistir, até que em 03 de dezembro de 1997, pela primeira vez na televisão brasileira, Jesus é anunciado em horário nobre pela rede CNT de Televisão.
Milhões de pessoas são salvas, milagres começam a se tornar rotina. Era suficiente? A resposta é não. Se Jesus estava sendo anunciada em horário nobre, por que não poderia ter uma TV onde em qualquer horário poderia se assistir a programas sadios, cercados de mensagens do evangelho? E assim, brotou em seu coração o desejo de ter um canal voltado só para o Senhor Jesus.
No dia 26 de maio de 2002, começou a transmissão da Rede Internacional de Televisão.
“Hoje é um dia histórico, é que hoje, pela primeira vez, estamos transmitindo pelo nosso canal de televisão o programa ao vivo”, diz R. R. Soares.
A Rede Internacional de Televisão (RIT) é o mais novo projeto inovador da televisão brasileira, concebida a partir da visão de que o mais importante é o telespectador e a realização de um sonho, cujo propósito é conciliar uma programação voltada para a família.
A RIT vem desenvolvendo inúmeros programas que atendem a essa perspectiva, apostando na qualidade e excelência profissional de sua equipe.
Além da Rede Internacional de Televisão, a Igreja da Graça também tem alcançado milhares de vidas por outros veículos de comunicação. A revista Graça e os livros publicados pela Graça Editorial tem edificado milhões de vidas em todo o país. Desde que foi fundada em 1983, a Graça Editorial já publicou centenas de títulos, entre eles, Como Tomar Posse da Benção, do Missionário R. R. Soares, que ultrapassou a marca de dois milhões de exemplares.
As Rádios foram mais uma porta aberta para a divulgação do Evangelho. A Rádio Relógio, de alcance nacional, e a Nossa Rádio FM, com estações no Rio (89,3), São Paulo (91,3) e Minas Gerais (97,3), edificam a vida de milhares de ouvintes por meio das músicas e mensagens de fé. Nesse mesmo pensamento, a Graça Music lançou os mais de 70 títulos de Cd´s lançados desde 1999. Por meio do louvor e adoração a Deus, milhares de vidas se rendem aos pés do Senhor Jesus, tomando posse das promessas descritas nas Sagradas Escrituras.
Toda essa estrutura de evangelização só pôde ser possível graças aos patrocinadores do ministério da Igreja da Graça, um exército de mais de 500 mil pessoas levantadas por Deus para sustentar sua obra, tanto aqui no Brasil como ao redor do mundo.
Atualmente, a Igreja Internacional da Graça de Deus tem mais de mil templos abertos em todo o mundo, prontos a amparar vidas necessitadas do socorro divino. Desse número, mais de cem igrejas se encontram no Rio de Janeiro, onde tudo começou.
Além dos templos abertos, o Brasil conta com o Show da Fé, um programa em horário nobre para a edificação espiritual da família brasileira. A Novela da Vida real, o Missionário Responde, Abrindo o Coração, os louvores, a mensagem de fé e a oração do Missionário Soares estão transformando o nosso Brasil. Feliz é a nação cujo Deus é o Senhor.

Share/Bookmark

MÚSICA GOSPEL RECONHECIDA COMO MANIFESTAÇÃO CULTURAL



A Música Gospel é reconhecida como manifestação Cultural no Estado do Rio de Janeiro. O Projeto foi sancionado no dia 20/09/2010 pelo Governador Sergio Cabral.
Evangélicos devem se beneficiar com os recursos da Lei do ICMS, para a realização de projetos.
Em Brasilia tramita um projeto de lei que permite que eventos de música gospel possam ser beneficiados pela Lei Rouanet. A proposta é de autoria do Deputado Bispo Rodovalho (DEM-DF). O projeto tramita no Congresso desde outubro 2007. A Comissão de Educação do Senado aprovou no inicio do ano o projeto de lei que permite que eventos de música gospel possam ser beneficiadas pela Lei Rouanet e segue para apreciação em plenário. O projeto reconhece a música gospel e eventos relacionados como manifestação cultural. Assim que for sancionado o projeto de lei pelo Presidente(ª) da República, permitirá que artistas evangelicos possam obter recursos por meio do Programa Nacional de Apoio à Cultura.
Em parceria com a 2b Produções, inserimos Projetos Culturais, Artísticos, Esportivos e Educacionais nas Leis de Incentivos Fiscais - ICMS e Rouanet.
Inserimos mais de 30 projetos, todos aprovados e publicados no Diário Oficial, entre eles, shows, eventos, turnês, festivais, gravação de Cd/Dvd, longa-metragens, espetáculos teatrais.
Inserir projetos cristãos na Lei do ICMS, sempre foi um grande sonho, que hoje é uma realidade!
Com mais recursos, realizamos grandes eventos! Movimentamos o mercado gospel com muito mais eventos, shows, turnês, festivais, gravação de Cd/Dvd, curtas médias e longas-metragens, espetáculos teatrais, etc.
Com mais recursos alargamos as estacas e muitas vidas serão alcançadas.
Nosso foco é a evangelização!
Contatos para maiores informações:
Tel: (21) 3547 0121 / 7872 3540 id 10*9925
Atenciosamente
Verônica Brendler
Produtora e Assessora de Imprensa
Share/Bookmark

O nome de Jesus, por RR Soares.


Antes de voltar aos céus, de onde viera, o Senhor Jesus nos deu ordens para que, no Nome dEle, continuássemos a fazer a obra que Ele havia começado.

A vinda de Jesus foi o raiar de uma nova era para a humanidade. O homem estava condenado ao suplício eterno e a sofrer, ainda aqui neste mundo, todas as doenças e males que o diabo havia criado.

O Senhor Jesus começou a Sua missão nos ensinando qual era a vontade de Deus para o ser humano. Até então, acreditava-se que os sofrimentos faziam parte da punição de Deus pêlos erros praticados. Mas, o nosso Cristo mostrou que sofrer era a vontade do diabo.

Em todos os lugares, Ele não só ensinava qual era a vontade de Deus, como a fazia ser realizada: sempre estava curando os enfermos e expulsando os demônios.

Agora, prestes a partir, Ele reúne os Seus discípulos e lhes ordena que continuem a Sua obra. Para tanto, Ele lhes dá a faculdade de usar o Seu Nome para fazer o mesmo que Ele fazia. Graças a Deus por isto!

Aprenda nesta lição que o Nome de Jesus é a nossa suprema autoridade. Passe a ser um vencedor, entendendo como usar este Nome e saiba por que alguns fracassam.

Ele disse: Assim como Tu me enviaste ao mundo, também eu os enviei ao mundo (Jo 17.18).

Em Cristo, R.R. Soares

Toda pessoa que quiser ve ncer as batalhas da vida precisa fazer um estudo intensivo do poder e da autoridade que há no Nome de Jesus. Precisa descobrir o entendimento que os heróis da fé possuíam desse Nome. O que realmente significa para nós, hoje, usar o Nome do nosso Salvador e Senhor.

Em João 14.13, o Senhor Jesus assim se expressou: E tudo quanto pedirdes em meu Nome, eu o farei, para que o Pai seja glorificado no Filho. Aqui Ele não está falando propriamente de oração como nós a conhecemos; mas, sim, sobre determinar, exigir, mandar (segundo os estudiosos da língua grega, idioma este em que o Novo Testamento foi escrito).

Usar o Nome de Jesus para o cristão deve ser algo tão comum como qualquer outro ato. Deve ser um uso constante e contínuo. Pedro e João andaram com Jesus e, certamente, estavam presentes quando o Senhor lhes disse que o que determinassem em Seu Nome, Ele o faria. Diz a Escritura, em Atos 3.1-9, o seguinte:

E Pedro e João subiam juntos ao templo à hora da oração, a nona. E era trazido um varão que desde o ventre de sua mãe era coxo, o qual todos os dias punham à porta do templo, chamada Formosa, para pedir esmola aos que entravam. O qual, vendo a Pedro e a João, que iam entrando no templo, pediu que lhe dessem uma esmola. E Pedro, com João, fitando os olhos nele, disse: Olha para nós. E olhou para eles, esperando receber deles alguma coisa. E disse Pedro: Não tenho prata nem ouro; mas o que tenho isso te dou. Em Nome de Jesus Cristo, o Nazareno, levanta-te e anda. E, tomando-o pela mão direita, o levantou, e logo os seus pés e artelhos se firmaram. E, saltando ele, pôs-se em pé, e andou, e entrou com eles no templo, andando, e saltando, e louvando a Deus. E todo o povo o viu andar e louvar a Deus.

O que foi que aconteceu? Pedro e João sabiam que aquilo que determinassem em o Nome de Jesus, o próprio Jesus faria. Quando o mendigo lhes pediu esmola, aproveitaram a ocasião e usaram o Nome de Jesus. É interessante notar que eles não deram um sermão, dizendo-lhe que estava sofrendo porque esta era a vontade de Deus, nem lhe disseram nada mais a não ser a ordem para que, em Nome de Jesus, ficasse bom.

Quando tivermos aprendido que por meio do Nome de Jesus podemos ordenar o que quisermos, começaremos a desfrutar a vida que o Senhor planejou que tivéssemos. Estaremos assim assumindo a posição que o próprio Deus declara já nos pertencer.

No mundo espiritual, nada irá funcionar a nosso favor se não utilizarmos os recursos, o poder e a autoridade do Nome do nosso Redentor. Ao usarmos o Nome de Jesus, temos acesso a Deus, somos atendidos pelo poder celestial e, neste Nome, amarramos todas as forças diabólicas. Quando usamos este Nome sobre as doenças ou qualquer outro mal, podemos estar certos de que derrotamos o mesmo. Porém, às vezes os sintomas ainda perduram por um pouco de tempo, apesar do diabo ter sido derrotado. É uma de suas últimas tentativas. Algumas vezes, ele vem e cochicha no nosso pensamento e nós nem nos apercebemos de que é ele. Ele sugere: "Bem, esta doença é diferente... este caso é mesmo difícil... esta doença é para os médicos... basta tomar um remedinho e pronto... este problema não é tão grave assim, acho que posso carregá-lo..." O diabo é mestre em influenciar pessoas e enganar aqueles que não estão firmados na Palavra de Deus.


O NOME DE JESUS É A NOSSA SUPREMA AUTORIDADE

O Senhor Jesus nos deu o direito de usar o Seu Nome. Ele disse que em Seu Nome expulsaríamos demônios e, se colocássemos as mãos sobre os enfermos, eles seriam curados, além de outros sinais:

E estes sinais seguirão aos que crerem: Em meu nome expulsarão os demônios... e porão as mãos sobre os enfermos, e os curarão (Mc 16.17,18).

Quando usamos o Nome de Jesus sobre a revelação da Palavra de Deus, o poder de Deus atende à nossa ordem, tal como atendia às ordens de Jesus. Usar o Nome de Jesus é agir como Seu procurador.

O poder e a autoridade que estão atrás do Nome de Jesus são o poder e a autoridade que o próprio Deus possui. O Senhor Jesus declarou que havia recebido todo o poder:

E chegando-se Jesus, falou-lhes, dizendo: É-me dado todo o poder no céu e na terra (Mt 28.18).

O Espírito Santo nos revela que este Nome é a suprema autoridade do universo.

Pelo que também Deus o exaltou soberanamente, e lhe deu um nome que é sobre todo o nome; para que ao nome de Jesus se dobre todo o joelho dos que estão nos céus, e na terra, e debaixo da terra. E toda a língua confesse que Jesus Cristo é o Senhor, para a glória de Deus Pai (Fp 2.9-11).

Todos os seres da terra, do céu e do inferno têm que se dobrar diante deste Nome. Quando isto acontece? Quando nós O usamos exercendo o nosso direito, reivindicando qualquer coisa que a Palavra de Deus nos informa pertencer.


E SÓ USAR O NOME

Quando Ele nos deu o Seu Nome para que determinássemos o que quiséssemos, Ele sabia o que isto representaria. O Senhor sabia que pessoas como eu ou você estaríamos exigindo que o diabo e seus males deixassem as nossas vidas. Sabia ainda que alguém com uma doença incurável, um problema insolúvel, iria algum dia, em algum lugar, levantar-se e exigir a sua cura. Ele não somente sabia disto: Ele espera que toda e qualquer pessoa, com qualquer sofrimento, aja deste modo. Ele aguarda que você, que de alguma maneira tem sido atacado pelo diabo, se levante e tome uma posição agora mesmo. Agir de acordo com as orientações da Palavra não é bancar o mal-educado ou o rebelde: é ser simplesmente obediente ao Senhor. Rebeldia e falta de educação tem a pessoa que sabe que o Senhor ordenou que aja de tal modo e não o faz.


PASSE A SER VENCEDOR

Qualquer cristão pode passar da noite para o dia, de um momento para o outro, de dominado a dominador. Decida agora. Use o Nome de Jesus, agradeça ao Pai por esta posição espiritual e faça com que o diabo saiba que, de agora em diante, você é um vencedor.

No mundo espiritual, nada irá funcionar a seu favor enquanto você não fizer uso de suas prerrogativas como filho de Deus. Deus não pode fazer nada por você, se você não assumir a autoridade que lhe pertence em o Nome de Jesus.


POR QUE ALGUNS FRACASSAM?

Muitos fracassam por simplesmente deixar o diabo ter vitória na vida deles. Alguns são preguiçosos e não querem agir do modo que Deus estabeleceu. Outros começam bem e chegam a alcançar algumas vitórias, mas um dia o teste é mais severo, o problema parece mais difícil, o diabo faz uma oposição maior, e eles resolvem aceitar o fracasso.

Alguns chegam a dizer mais ou menos assim: "Bem, não é que eu tenha me esquecido de Jesus ou O tenha negado. Você entende, este problema estava difícil e o diabo fez uma oposição maior; bem, eu simplesmente não consegui... Mas acredito na Palavra de Deus... Tudo o que fiz foi só usar métodos humanos que o Senhor deixou para nós." Estas pessoas nem percebem que na verdade negaram a Jesus, descreram nEle e fizeram pior que os incrédulos. Em Hebreus 10.38, o Senhor Deus nos revela o que acontece quando recuamos ou deixamos de viver da fé:

Mas o justo viverá da fé; e, se ele recuar, a minha alma não tem prazer nele (Hb 10.38).


COMO USAR O NOME DE JESUS

Jamais usaremos o Nome de Jesus com sucesso se não estivermos agindo sobre a revelação da Palavra de Deus. É preciso que se entenda que o nosso único elo de ligação com o Pai é através da Palavra. No mundo espiritual a nossa palavra sozinha é acatada como nada. Não era assim no início; o homem tinha autoridade para reinar aqui nesta vida, mas ao pecar, perdeu tudo. Quando Jesus venceu o inferno e expulsou o "príncipe" deste mundo, Ele conquistou para Si a autoridade que o homem perdera e recebeu ainda todo o poder tanto no céu como na terra. Agora Ele nos dá este sublime privilégio de usar o Seu Nome; mas, Ele nos adverte que sem Ele nós não faremos nada. Eu sou a videira, vós as varas; quem está em mim, e eu nele, esse dá muito fruto; porque sem mim nada podeis fazer (Jo 15.5).

Não importa o problema pelo qual você esteja passando. Primeiro, e antes de tudo, procure meditar na Palavra de Deus. Ao recebê-La no coração, Ela lhe dará a fé - a certeza de que aquilo de que você precisa já lhe pertence. Então, você deve, sem vacilar, usar o Nome de Jesus, reivindicando o que lhe foi revelado.

Após usar o Nome de Jesus, creia que já foi atendido e considere a obra como feita, mesmo que os sintomas atestem o contrário.

Fonte www.ongrace.com
Share/Bookmark

Deus ainda fala com quem o ama !

Recebi esta mensagem por email, muito linda e quero compartilhar aqui no blog.
Elisabete Mota foi quem me enviou.

È uma História muito linda..
Pense nisso!!!!!!

Eram aproximadamente 22:00 horas quando um jovem
começou a se dirigir para casa.
Sentado no seu carro, ele começou a
pedir:
- 'Deus! Se ainda falas com as pessoas, fale comigo.
Eu
irei ouvi-lo.
Farei tudo para obdecê-lo'
Enquanto dirigia pela rua
principal da cidade, ele teve um pensamento muito estranho:
- 'Pare e
compre um galão de leite'.
Ele balançou a cabeça e falou alto:
-
'Deus? É o Senhor?'.
Ele não obteve resposta e continuou dirigindo-se
para casa.
Porém, novamente, surgiu o pensamento:
- 'Compre um
galão de leite'.
'Muito bem, Deus! No caso de ser o Senhor, eu
comprarei o leite'.
Isso não parece ser um teste de obediência muito
difícil...
Ele poderia também usar o leite.
O jovem parou, comprou
o leite e reiniciou o caminho de casa.
Quando ele passava pela
sétima rua, novamente ele sentiu um pedido:
- 'Vire naquela rua'.
Isso
é loucura...
- pensou
- e, passou direto pelo retorno.
Novamente
ele sentiu que deveria ter virado na sétima rua.
No retorno
seguinte, ele virou e dirigiu-se pela sétima rua.
Meio brincalhão ele
falou alto
- 'Muito bem, Deus. Eu farei'.
Ele passou por algumas
quadras quando de repente sentiu que devia parar.
Ele brecou e olhou
em volta.
Era uma área mista de comércio e residência.
Não era a
melhor área, mas também não era a pior da vizinhança.
Os
estabelecimentos estavam fechados e a maioria das casas estavam
escuras,
como se as pessoas já tivessem ido dormir, exceto uma do outro
lado
que estava acesa.
Novamente, ele sentiu algo:
- 'Vá e dê o leite
para as pessoas que estão naquela casa do outro lado da rua'.
O jovem
olhou a casa.
Ele começou a abrir a porta mas voltou a sentar-se. -'
Senhor, isso é loucura.
Como posso ir para uma casa estranha no meio
da noite?'.
Mais uma vez, ele sentiu que deveria ir e dar o leite.
Finalmente, ele abriu a porta...
- ' Muito Bem, Deus, se é o Senhor,
eu irei e entregarei o leite àquelas pessoas.
Se o Senhor quer que eu
pareça uma pessoa louca, muito bem.
Eu quero ser obediente.
Acho
que isso vai contar para alguma coisa, contudo, se eles não responderem
imediatamente,
eu vou embora daqui'.
Ele atravessou a rua e tocou a campainha.
Ele
pôde ouvir um barulho vindo de dentro, parecido com o choro de uma
criança.
A voz de um homem soou alto:
- 'Quem está aí? O que você
quer?'
A porta abriu-se antes que o jovem pudesse fugir.
Em pé,
estava um homem vestido de jeans e camiseta.
Ele tinha um olhar
estranho e não parecia feliz em ver um desconhecido em
na sua
soleira.
- 'O que é?'.
O jovem entregou-lhe o galão de leite.
-
'Comprei isto para vocês'.
O homem pegou o leite e correu para
dentro falando alto.
Depois, uma mulher passou pelo corredor
carregando o leite e foi para a cozinha.
O homem a seguia segurando
nos braços uma criança que chorava.
Lágrimas corriam pela face do
homem e, ele começou a falar, meio soluçando:
- 'Nós oramos.
Tínhamos
muitas contas para pagar este mês e o nosso dinheiro havia acabado.
Não
tínhamos mais leite para o nosso bebê.
Apenas orei e pedi a Deus que
me mostrasse uma maneira de conseguir leite.
Sua esposa gritou lá da
cozinha:
- 'Pedi a Deus para mandar um anjo com um pouco de leite...
Você
é um anjo?'
O jovem pegou a sua carteira e tirou todo dinheiro que
havia nela e
colocou-o na mão do homem.
Ele voltou-se e foi para o
carro, enquanto as lágrimas corriam pela sua face.
Ele teve certeza
que Deus ainda responde aos verdadeiros pedidos.

Agora, um
simples teste para você:
- Se você acredita em Deus, mande esta
mensagem para todos os seus
amigos, abaixo tem um botao " +share/save " click nele ecompartilhe esta mensagem com seus contatos, ah e se possível click nos links de anuncio do Blog que desta maneira você ajuda o site existir e continuar abençoando vidas.
Share/Bookmark

Edir Macedo defende aborto


Edir Macedo defende aborto

O que falar diante de um absurdo tão grande como esse?
E pior, usa a palavra de Deus para apoiar suas heresias.
Que Deus possa ter misericórdia de tantas vidas que perdem seu tempo para ouvir as heresias que este homem que se intitula servo de Deus fala dia após dia.

Leia essa parte do Salmo 139

13 Pois possuíste os meus rins; cobriste-me no ventre de minha mãe.
14 Eu te louvarei, porque de um modo assombroso, e tão maravilhoso fui feito; maravilhosas são as tuas obras, e a minha alma o sabe muito bem.
15 Os meus ossos não te foram encobertos, quando no oculto fui feito, e entretecido nas profundezas da terra.
16 Os teus olhos viram o meu corpo ainda informe; e no teu livro todas estas coisas foram escritas; as quais em continuação foram formadas, quando nem ainda uma delas havia.

Leia também Êxodo 23

07 De palavras de falsidade te afastarás, e não matarás o inocente e o justo; porque não justificarei o ímpio.

Share/Bookmark

Conheça os 50 paises que mais perseguem o evangelho


2º - Irã
4º - Somália
5º - Maldivas
7º - Iêmen
9º - Laos
11º - Eritreia
12º - Butão
13º - China
14º - Paquistão
16º - Comores
17º - Iraque
18º - Catar
19º - Chechênia
20º - Egito
21º - Vietnã
22º - Líbia
23º - Mianmar
25º - Argélia
26º - Índia
27º - Nigéria
28º - Omã
29º - Brunei
30º - Sudão
31º - Kuweit
34º - Zanzibar
35º - Turquia
36º - Djibuti
37º - Marrocos
38º - Cuba
39º - Jordânia
40º - Sri Lanka
41º - Síria
42º - Belarus
43º - Tunísia
44º - Etiópia
45º - Bangladesh
46º - Palestina
47º - Barein
48º - Indonésia
50º - Quênia
Share/Bookmark

Ajude a Missão Portas Abertas !

Maneiras de doar

Para ajudar de forma mais eficaz a Igreja Perseguida, a Missão Portas Abertas apóia os projetos da Portas Abertas Internacional em mais de 40 países.

Por meio de qualquer forma e valor de doação, você estará nos ajudando a realizar com sucesso esses projetos e, conseqüentemente, fortalecendo os cristãos perseguidos.

Escolha uma das maneiras de doar para a Igreja Perseguida:

1. Carnê de doações
Solicite já seu carnê de doações.

2. Depósito bancário
Os depósitos bancários podem ser feitos nos seguintes bancos:
Banco do Brasil - ag.3065-1 - c/c 70106-8
Banco Bradesco - ag.0156 - c/c 40500-0
Banco HSBC - ag.1853 - c/c 24674-45
Banco Itaú - ag.0192 - c/c 81146-1

As doações via internet exigem a identificação do CNPJ.
O CNPJ da Missão Portas Abertas é 50671510/0001-69.

Após o depósito, envie-nos o comprovante, com seu nome e telefone, por fax ou e-mail, para que possamos identificar sua doação.

3. Cartão de crédito
Preencha os dados para doar através do cartão de crédito Visa, Mastercard ou American Express.

4. Débito Automático
Outra opção para realizar sua doação é a programação do débito automático.

O débito automático e o cartão de crédito aceleram o processo de doação e tem custo menor para a Portas Abertas. Com isso, você economiza seu tempo e nós disponibilizamos mais recursos para ajudar os cristãos perseguidos.

Se preferir doar por meio da aquisição de um dos nossos produtos, clique aqui.

Qualquer dúvida entre em contato com o atendimento pelo telefone (0--11) 5181 3330, ou envie um e-mail para relacionamento@portasabertas.org.br.

Muito obrigado.

Share/Bookmark

Video incrivel, Paul Washer - Não Conhecemos o Evangelho


Não me envergonho do evangelho,
porque é o poder de Deus para a salvação de todo aquele que crê: primeiro do judeu, depois do grego.

(Romanos 1: 16; )
Share/Bookmark

Video Pecado da Sexualidade - Pr. John Piper (Legendado)


Video fantastico do Pastor John Piper,
pastor da Igreja Batista Bethlehem,

O Pecado da sexualidade
Share/Bookmark

Guerra contra as mulheres


A guerra não acontece apenas nos campos de batalha. Ela se desenrola em meio à sociedade humana, muitas vezes contra os mais indefesos, como acontece atualmente no Afeganistão.

Principalmente nas regiões controladas pelas milícias do Talibã, as mulheres são sistematicamente oprimidas. Elas são obrigadas a se cobrirem completamente (de modo mais extremo que no Irã e na Arábia Saudita). Reportagens abaladoras na mídia revelam essa dura realidade: as meninas e moças são proibidas de freqüentar a escola, às mulheres é vedada a prática de suas profissões, etc.

Quando somos confrontados com esses fatos, perguntamo-nos onde estão as organizações de direitos humanos, sempre tão prontas a acusar e condenar Israel. Onde ficam as resoluções da ONU condenando as práticas desumanas a que são submetidas as mulheres muçulmanas? Onde estão as vozes das feministas, que deveriam estar protestando em altos brados contra uma discriminação tão flagrante?

O Dr. Nadeen Elyas, líder do Comitê Central dos Muçulmanos da Alemanha, disse: “O islã é praticável. O Corão não me proíbe nada, ele apenas quer me proteger...” Será que esta é a proteção do islã: proibir as jovens de freqüentar a escola ou impossibilitar as mulheres de exercer suas profissões?

O fundamentalismo islâmico tornou-se um verdadeiro flagelo para muitas pessoas. Ele rouba-lhes a liberdade e impõe-lhes um jugo insuportável.

“Maridos, vós, igualmente, vivei a vida comum do lar, com discernimento; e, tendo consideração para com a vossa mulher como parte mais frágil, tratai-a com dignidade, porque sois, juntamente, herdeiros da mesma graça de vida, para que não se interrompam as vossas orações” (1 Pedro 3.7).

A Bíblia, ao contrário, concede-nos verdadeira liberdade em Jesus Cristo. O Filho de Deus derrubou todas as diferenças entre homens e mulheres, entre judeus e gentios, ao consumar a salvação na cruz do Calvário. Por essa razão, Paulo escreveu: “Dessarte, não pode haver judeu nem grego; nem escravo nem liberto; nem homem nem mulher; porque todos vós sois um em Cristo” (Gl 3.28). Quando a Bíblia estabelece ordens e padrões espirituais, isso jamais significa discriminação ou opressão, pois seu alvo é ordenar a vida em família e na igreja: “Porque Deus não é Deus de confusão, e sim de paz” (1 Co 14.33). Aos homens e às mulheres é dito na Palavra de Deus que devem sujeitar-se uns aos outros no temor de Cristo (Ef 5.21). As mulheres devem ser submissas a seus maridos como ao Senhor (v.22). Mas essa submissão não significa servilismo cego, pois aos homens a Bíblia ordena explicitamente que devem amar suas esposas e cuidar delas de maneira muito especial (Ef 5.25,28). Isso é tão importante aos olhos de Deus que a resposta às orações dos maridos está condicionada ao seu amor pelas suas esposas: “Maridos, vós, igualmente, vivei a vida comum do lar, com discernimento; e, tendo consideração para com a vossa mulher como parte mais frágil, tratai-a com dignidade, porque sois, juntamente, herdeiros da mesma graça de vida, para que não se interrompam as vossas orações” (1 Pe 3.7).

Em lugar algum a Bíblia ensina que as mulheres devem sentar-se em lugar separado de seus maridos durante os cultos na igreja. Até mesmo no Antigo Testamento, considerado por muitos como legalista e autoritário, existe a menção de donas de casa repartindo despojos e mensageiras propagando boas-novas (Sl 68.11-12). No Livro de Provérbios, a mulher é louvada por suas grandes responsabilidades. Ali nada lemos sobre opressão, discriminação ou que as mulheres precisam esconder-se e viver constantemente com medo. Pelo contrário, temos a descrição de uma mulher que faz bons negócios, dá ordens, delega tarefas e administra os empregados domésticos. Lemos sobre ela em Provérbios 31.16: “Examina uma propriedade e adquire-a; planta uma vinha com as rendas do seu trabalho.” Em Provérbios 31.24-27 está escrito: “Ela faz roupas de linho fino, e vende-as, e dá cintas aos mercadores. A força e a dignidade são os seus vestidos, e, quanto ao dia de amanhã, não tem preocupações. Fala com sabedoria, e a instrução da bondade está na sua língua. Atende ao bom andamento da sua casa e não come o pão da preguiça.” E em Miquéias 6.4, Miriã é descrita como líder do povo de Israel juntamente com Moisés e Arão: “Pois te fiz sair da terra do Egito e da casa da servidão te remi; e enviei adiante de ti Moisés, Arão e Miriã.”

(Norbert Lieth - http://www.chamada.com.br)

Share/Bookmark

Testemunho enviado pela irmã Creusa Arina Lima Ferreira


Testemunho enviado pela irmã Creusa Arina Lima Ferreira

Quando você estiver em perigo, clame o sangue de Jesus, assim;JESUS CRISTO, ME COBRE COM SEU SANGUE SAGRADO. Várias vezes, em silêncio mesmo. JESUS CRISTO ME COBRE COM SEU SANGUE SAGRADO. E Jesus vai te livrar, como livrou a mim.



Participe voçê também, envie sua sugestão, critica ou testemunho atravez de nosso formulário de contato instalado no blog, Deus te abençoe.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Blog da Missionaria © 2011 | Designed by Blog do Adorador, colaboração de Lindas Mensagens, Alliance and By Blogger